Produção de capim-elefante

Top PDF Produção de capim-elefante:

Características fermentativas da silagem de capim elefante com adição de casca de café ou cacau.

Características fermentativas da silagem de capim elefante com adição de casca de café ou cacau.

O alto teor de umidade das forrageiras no momento ideal de corte é um dos principais fatores responsáveis pela produção de silagem de baixo valor nutritivo. Segundo Pinho et al. (2008), a ensilagem de capim sem aditivos está sujeita a significativas perdas por efluente, o qual contém grandes quantidades de compostos orgânicos, tais como: açúcares, ácidos orgânicos e proteínas. Silagens produzidas com forrageiras com alto teor de umidade podem criar condições para atuação de bactérias do gênero Clostridium, que promovem a degradação da proteína e ácido lático e produzem ácido butírico, gerando perdas na forma de energia, efluentes, gás (McDONALD, 1981; NUSSIO et al., 2002).
En savoir plus

8 En savoir plus

Avaliação do teor de MS e pH da silagem de capim elefante com inclusão de coproduto do maracujá.

Avaliação do teor de MS e pH da silagem de capim elefante com inclusão de coproduto do maracujá.

RESUMO Objetivou-se avaliar o efeito da inclusão (0, 12, 24, 36%) do coproduto do maracujá na ensilagem do capim elefante cv. Napier sobre o teor de Matéria Seca (MS) e pH. O experimento foi realizado na Unidade Experimental de Produção Animal Agroecológica (UEPA) localizada na Fazenda Experimental do Incaper de Linhares/ES. Para produção das silagens foram utilizados mini silos experimentais cilíndricos de PVC com 10 cm de diâmetro e 40 cm de altura, adotando-se uma compactação de 600 kg/m³, com quatro repetições por tratamento. Após 60 dias, os mini silos foram abertos e deles coletadas amostras para determinação dos teores de MS e pH das silagens. Com a inclusão crescente do coproduto do maracujá houve um aumento dos valores de MS e do pH das silagens. A inclusão de coproduto do cacau promoveu melhorias no processo fermentativo das silagens de capim elefante.
En savoir plus

4 En savoir plus

Avaliação do teor de fibra e digestibilidade da silagem de capim elefante cv. napier com adição de coprodutos regionais.

Avaliação do teor de fibra e digestibilidade da silagem de capim elefante cv. napier com adição de coprodutos regionais.

Palavras-chave: subprodutos,qualidade da silagem, alimentação. Área do Conhecimento: Engenharia Agronômica - Zootecnia Introdução A estacionalidade da produção de forragens, gera entraves relacionados ao fornecimento de alimentos para animais em períodos de escassez de forragem. Buscando viabilizar um plano nutricional que melhore os índices zootécnicos na produção animal e que, ao mesmo tempo, contribua para a redução dos custos de produção, diversas alternativas têm sido propostas. Dentre elas destaca-se o uso de coprodutos regionais, que em razão das características singulares na composição bromatológica, na forma física, na disponibilidade e no custo, apresentam diferenças quanto ao potencial de utilização na nutrição de ruminantes.
En savoir plus

4 En savoir plus

Composto com bananeira e capim elefante triturado com enxada rotativa.

Composto com bananeira e capim elefante triturado com enxada rotativa.

Key words: agro ecology, participative research, organic matter, organic fertilizer. Introdução A produção de biomassa é um desafio para a manutenção de sistemas de base agroecológica, pois, os resíduos gerados na agricultura podem ser insuficientes, ou apresentar um custo alto para a sua aquisição. Uma maneira de obter adubos orgânicos é a produção de fitomassa com materiais vegetais como o capim elefante (Penisetum

4 En savoir plus

Avaliação sensorial da silagem de capim elefante com adição de coproduto do maracujá.

Avaliação sensorial da silagem de capim elefante com adição de coproduto do maracujá.

Objetivou-se avaliar o efeito da inclusão (0, 12, 24, 36%) do coproduto do maracujá na ensilagem do capim elefante cv. Napier sobre as características sensoriais associadas ao valor nutritivo e estado sanitário. O experimento foi realizado na Unidade Experimental de Produção Animal Agroecológica (UEPA) localizada na Fazenda Experimental do Incaper de Linhares/ES. Para a produção das silagens foram utilizados mini silos experimentais cilíndricos de PVC com 0,10 m de diâmetro e 0,40 m de altura, adotando-se uma compactação de 600 kg/m³, com quatro repetições por tratamento. Após 60 dias, os mini silos foram abertos e deles coletadas amostras para análises nutricionais e avaliação sensorial da silagem. Com a inclusão do coproduto do maracujá houve melhoria do processo fermentativo, caracterizado pela qualidade sensorial das silagens, que apresentaram qualidade nutricional e sanitária boa a muito boa.
En savoir plus

5 En savoir plus

Teores de nutrientes na silagem de capim elefante cv. napier com adição de coprodutos regionais.

Teores de nutrientes na silagem de capim elefante cv. napier com adição de coprodutos regionais.

A produção de silagem é uma tecnologia de conservação de alimento visando atender essa demanda de escassez, sendo de suma importância a produção de silagem de qualidade, que influencia diretamente no consumo e no desempenho animal. Tomados os devidos cuidados quanto ao poder tampão, carboidratos solúveis e teores de umidade, a silagem de capim apresenta bons valores nutritivos (GUIMARÃES FILHO, MONTEIRO, DEMINICIS, 2011). Por apresentar alta produtividade de matéria seca por área cultivada, o capim elefante é amplamente utilizado (CARVALHO et al., 2008), também pela composição em termos de carboidratos solúveis, sendo este mais elevado quando comparado a outras gramíneas (LAVEZZO, 1993), além da perenidade, adoção de adubação alternativa reduzindo o custo de produção e alta adaptação ao ambiente (ARRUDA et al., 2014). Entretanto, apresenta alto teor de umidade no momento em que possui maior valor nutritivo, sendo então recomendado a eliminação desse excesso ou a adição de alimentos absorventes.
En savoir plus

4 En savoir plus

Silagem de capim-elefante na alimentação animal.

Silagem de capim-elefante na alimentação animal.

Um bom exemplo disso é a ensilagem, que consiste na fermentação natural do alimento, realizada por microrganismos na ausência de ar, acidificando o meio e conservando o material ensilado. Entre as diversas espécies de plantas forrageiras com potencial para a ensilagem, destaca-se o capim-elefante pela sua adaptabilidade ao clima do Espírito Santo, alta produtividade por hectare, bom valor nutritivo, facilidade na aquisição de mudas, elevado número de variedades (Napier, Cameroon, BRS Capiaçu, etc.), praticidade de cultivo e boa aceitabilidade pelos bovinos.

6 En savoir plus

Adubo de liberação lenta na produção de mudas de mamoeiro.

Adubo de liberação lenta na produção de mudas de mamoeiro.

Desalination, Hopkinton, v.146, p.319-323, 2002. VENTURA, J.A.; COSTA, H.; TATAGIBA, J.S. Doenças do mamoeiro. In: MANICA, I.; MARTINS, D.S.; VENTURA, J.A. (Ed.) Mamão: tecnologia de produção, pós-colheita, exportação, mercados. Porto Alegre: Cinco Continentes, 2006. cap.9. p.207-241. YAMANISHI, O.K.; FAGUNDES, G.R.; MACHA- DO FILHO, J.A.; VALONE, G.V. Efeito de diferen- tes substratos e duas formas de adubação na produção de mudas de mamoeiro. Revista Brasileira de Fru-

10 En savoir plus

Brasil : diversificação da produção e políticas públicas.

Brasil : diversificação da produção e políticas públicas.

Conhecido  como  um  dos  maiores  produtores  de  café  conilon  do  Brasil,  o  estado  do Espírito  Santo,  região  sudeste  do  país,  é  constituído  por  67.403  estabelecimentos  da agricultura familiar, o que representa 80% dos estabelecimentos agropecuários (Censo Agropecuário,  2010).  Nessa  quantidade  de  propriedades,  que  tem  como  carro  chefe  o cultivo  do  café,  a  diversificação  da  produção  se  torna  uma  saída  para  as  muitas contingências a que estão suscetíveis os agricultores familiares.
En savoir plus

4 En savoir plus

Café conilon: técnicas de produção com variedades melhoradas.

Café conilon: técnicas de produção com variedades melhoradas.

a 75% das hastes menos produtivas da planta. Nas lavouras não muito fechadas, recomenda-se iniciar na quarta colheita, e nas lavouras muito fechadas, iniciar a poda a partir da terceira colheita. A definição entre a quarta e a terceira colheita é em função do vigor, crescimento das plantas, entrada de luz, material genético, espaçamento, nível tecnológico, entre outros fatores. Paralelamente, deve-se eliminar os ramos horizontais e realizar a desbrota, deixando a quantidade de brotos novos para recompor a lavoura com o número de hastes recomendado. No ano seguinte, retirar o restante das hastes verticais velhas e efetuar a desbrota. Nesta fase, tem-se uma lavoura revigorada. Na colheita do próximo ano, tem-se a produção dessa lavoura. E nos anos subsequentes, o cafezal deve ser conduzido da mesma forma.
En savoir plus

76 En savoir plus

Estatística da produção agrícola capixaba ano 2014.

Estatística da produção agrícola capixaba ano 2014.

O objetivo deste documento é oferecer de forma resumida e organizada as principais informações refer- entes à evolução da produção e dos mercados, além de disponibilizá-las, uma vez que atualmente não estão facilmente acessíveis. Assim, esta publicação vem suprir uma carência de informações sistematizadas a respeito da produção e produtividade agropecuária no Estado. O acompanhamento deste levantamento é fundamental para o planejamento estratégico, tanto do Incaper como do governo estadual. Além disso, a sua divulgação à so- ciedade se destaca como mais um importante serviço prestado. O conteúdo apresentado poderá auxiliar o produtor rural na tomada de decisão com relação à atividade desenvolvida, e os gestores na elaboração de políticas públicas. Dessa forma, acredita-se que o Boletim da Conjuntura Agropecuária Capixaba on-line preencherá uma lacuna quanto à compilação e divulgação dos dados da produção agropecuária do Estado.
En savoir plus

9 En savoir plus

Evolução da produção e comércio mundial de mamão.

Evolução da produção e comércio mundial de mamão.

Índia e a Nigéria os países com maiores áreas. A Indonésia foi o país que apresentou maior rendimento médio por hectare colhido (Tabela 1). A produção mundial de mamão, entre 2003 e 2013 houve um produzido. A Índia foi o país que mais contribuiu para o aumento da produção, tendo passado de 1.692 mil toneladas em 2003 para 5.544 mil toneladas em 2013, o que representou 44,1% da produção mundial. Em 2003 o Brasil era o maior produtor mundial, sendo responsável por 20,5% da produção. Em 2013 esse percentual é 12,6% e o Brasil se encontra na segunda posição entre os países maiores produtores.
En savoir plus

7 En savoir plus

Recomendações técnicas para a produção de manga.

Recomendações técnicas para a produção de manga.

No Espírito Santo e em outros estados vizinhos, o parque industrial instalado e a perspectiva de sua expansão têm sido a razão principal do crescente interesse dos produtores, que, aliado ao incentivo proporcionado pela criação do pólo de manga implementado pelo Governo do Estado, representa o diferencial quanto à organização da cadeia produtiva, geração de tecnologias, assistência técnica e extensão rural e comercialização. É com este propósito que o Incaper reuniu uma equipe de profissionais qualificados para apresentar um conjunto de informações, conhecimentos, e tecnologias, que servirão de referência para a consolidação do pólo de manga por meio da capacitação dos agentes de desenvolvimento rural e dos produtores que integram o agronegócio da manga no Estado. A publicação RECOMENDAÇÕES TÉCNICAS PARA PRODUÇÃO DE
En savoir plus

56 En savoir plus

Produção integrada de morango (PIMo) no Brasil.

Produção integrada de morango (PIMo) no Brasil.

A produção de morangos no Brasil tem crescido nos últimos anos. Apesar dos dados estatísticos não serem precisos, estimasse uma produção anual de 100.000 toneladas, com área ocupada de 3.500 ha, sendo Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul, os maiores estados produtores de morango no Brasil. Entretanto o volume de exportação desta rosácea é extremamente baixo, se comparado com as demais frutas exportadas pelo Brasil, com variação negativa de 73% entre 2004 e 2005 (ANUÁRIO, 2006). Concentrado nas regiões Sudeste e Sul do Brasil, o morango pode ser encontrado no mercado, à disposição do consumidor, em quase todos os períodos do ano. Os consumidores vêm modificando seus hábitos alimentares e, cada vez mais, associam a dieta como prevenção de doenças e qualidade de vida (FACHINELLO, et al. 2003). A aquisição dos produtos se dá a partir de critérios de qualidade, como cor, forma e peso, além do odor e do próprio frescor do produto (LUNATI, 2006). Diferente de outras frutas, na maioria das vezes há identificação da variedade comercializada, o que implica em diferenças na qualidade sensorial, confundindo o consumidor na escolha do produto.
En savoir plus

16 En savoir plus

Previsão da produção agrícola para 2016.

Previsão da produção agrícola para 2016.

Cana-de-açúcar e forragem Fonte: Elaborado a partir dos dados do IBGE-LSPA-GCEA, (Dez. 2015, Mai. 2016). PREVISÃO DE PRODUÇÃO PARA 2016 (comparativo 2015 e 2016) Seguindo o padrão dos boletins anteriores, a seguir são apresentados os dados da previsão de produção para 2016 comparativamente ao ano anterior. Os dados do levantamento do IBGE feito até o mês de maio de 2016 indicam uma queda na produção cafeeira de 4,2% no Estado, e redução de 3,9% na área colhida. A maior retração foi observada na cultura do café conilon, cuja previsão de redução da produção é de 14,1% em comparação com 2015 (Tabela 2).
En savoir plus

9 En savoir plus

Produção integrada de frutas no Brasil : minicurso.

Produção integrada de frutas no Brasil : minicurso.

XX Congresso Brasileiro de Fruticultura 54th Annual Meeting of the Interamerican Society for Tropical Horticulture 12 a 17 de Outubro de 2008 - Centro de Convenções – Vitória/ES ______________________________________________________________________________ PRODUÇÃO INTEGRADA DE FRUTAS NO BRASIL

4 En savoir plus

Fontes de adubos orgânicos na produção de mudas de pitaia.

Fontes de adubos orgânicos na produção de mudas de pitaia.

produtores brasileiros. Com isso, verificou-se a utilização de duas fontes de esterco animal, como tratamentos compostos de solo de barranco + esterco de curral (2:1), solo de barranco + esterco suíno curtido (2:1) e solo de barranco, onde todos foram enriquecidos com a dose de 2Kg m -3 de superfosfato simples. O experimento foi realizado no Setor de Viveiricultura do Ifes- Campus Santa Teresa. Utilizou-se o delineamento inteiramente casualizado (DIC), com 5 repetições. Transcorridos 75 dias do plantio as mudas foram avaliadas considerando-se a parte aérea e o sistema radicular. Observou-se efeito significativo nos tratamentos aplicados para a produção de mudas de pitaia. Os tratamentos contendo esterco bovino e suíno se apresentaram superiores com relação ao número de brotos, altura de plantas e matéria seca de brotos, o que os indica proporcionar o melhor desenvolvimento de mudas de pitaia, em virtude dos acréscimos nutricionais e nas características físicas do substrato.
En savoir plus

1 En savoir plus

Potencial de sequëstro de carbono em sistemas de produção de hortaliças.

Potencial de sequëstro de carbono em sistemas de produção de hortaliças.

É importante destacar que práticas agrícolas seqüestradoras de carbono devem ser contínuas para que o CO2 fixado não seja perdido. Assim, por exemplo, o sistema plantio direto pode aumentar o carbono armazenado no solo se for realizado continuamente, porém se for interrompido por um ano pelo preparo intensivo de solo, pode-se perder grande parte do carbono do solo acumulado por vários anos (Grupo..., 2000). Esta consideração também é válida para a agricultura orgânica, na qual as práticas conservacionistas devem ser permanentes, tanto para conservar quanto para compensar os ganhos e perdas de carbono no tempo. Exemplo disso é a produção de biomassa em capineiras perenes para a compostagem, que são fontes de alta eficiência na captação de CO2. Este volume é constantemente produzido e cortado para a confecção de composto, e quando o composto está sendo feito (e perdendo CO2 pela fermentação em sistema aberto), a capineira retoma seu crescimento e captura mais carbono da atmosfera. Nesse caso temos uma imobilização do carbono pela constância do ciclo. No sistema orgânico de produção de hortaliças do INCAPER, são produzidas anualmente 360 m3 de biomassa triturada (72 toneladas de resíduo úmido), em 3.000 m2 de capineiras que auxiliam na sustentação do sistema com 3,0 ha de área total. Portanto, o período de ganhos com seqüestro e fixação de carbono em sistemas orgânicos dependerá fortemente de 2 fatores: da intensidade de aplicação das práticas seqüestradoras e da constância de uso das mesmas.
En savoir plus

10 En savoir plus

Panorama da produção e comércio mundial de mamão.

Panorama da produção e comércio mundial de mamão.

O volume exportado de mamão mundialmente em 2016 foi de 365,7 mil toneladas, correspondendo a US$ 291,4 milhões. O México foi o maior exportador da fruta, sendo responsável por aproximadamente 46,1% das exportações, seguido pela Guatemala com 13,5%. O Brasil ocupa a terceira posição, com 10,4% da exportação mundial (FAOSTAT, 2018). Entre as frutas da pauta de exportação brasileira de 2017, o mamão está entre as sete primeiras, com uma participação de 4,45% (ANUÁRIO BRASILEIRO DE FRUTICULTURA, 2018). O objetivo deste artigo é mostrar a evolução da cultura de mamão no período de 2006 a 2017 no que se refere a produção e ao mercado externo.
En savoir plus

7 En savoir plus

Avaliação dos teores dos nutrientes em sistemas de produção convencional e produção integrada do mamoeiro no Norte do Espírito Santo.

Avaliação dos teores dos nutrientes em sistemas de produção convencional e produção integrada do mamoeiro no Norte do Espírito Santo.

Os resultados dos teores dos macronutrientes e micronutrientes e o padrão de referência para o mamoeiro do grupo solo são mostrados na Figura 1. Os teores dos macronutrientes N, P, K, Ca, Mg e S no Sistema de Produção Integrada foram, sem exceção, superiores aos teores verificados para o mamoeiro cultivado sob o Sistema Convencional, indicando a importância da recomendação de adubação com base no diagnóstico conforme preconizado pelas normas do Sistema de Produção Integrada de Frutas - PIF.

4 En savoir plus

Show all 187 documents...