Extensão rural

Top PDF Extensão rural:

Gênero, políticas públicas e extensão rural : uma análise das representaçoes de extensionistas rurais da microrregiao Rio Doce, Espírito Santo.

Gênero, políticas públicas e extensão rural : uma análise das representaçoes de extensionistas rurais da microrregiao Rio Doce, Espírito Santo.

4 Professor Doutor – UENF; pmsouza@uenf.br Grupo de Pesquisa 9: Extensão Rural e Políticas Sociais para o Campo. Resumo A Extensão Rural no Brasil privilegiou a difusão tecnológica de práticas intensivas de produção, ampliando as desigualdades socioeconômicas no meio rural, especialmente as relacionadas a gênero. Com a instituição da Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural (PNATER), a Extensão Rural passou a atender aos princípios de equidade de gênero previstos para atuação extensionista. Este trabalho teve por objetivo conhecer as experiências e as formas de atuação dos Extensionistas Rurais do órgão oficial de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) do Espírito Santo, relacionadas às questões de gênero e de participação das mulheres rurais nas políticas públicas, nos municípios de Linhares, Rio Bananal e Sooretama, norte do Estado. Para tanto, aplicaram-se roteiros de entrevistas semiestruturadas para dez Agentes de Extensão em Desenvolvimento Rural, servidores da instituição oficial de ATER daqueles municípios. Os dados foram transcritos, sistematizados e submetidos à análise de conteúdo. Os extensionistas se apresentaram naturalizados com as desigualdades de gênero, não desenvolvendo ações que incentivem a participação feminina nas políticas públicas. Mudanças nos paradigmas de gênero arraigados à Extensão Rural devem ser estimuladas tanto na academia quanto nas instituições de ATER com o propósito de se efetivar a participação feminina nas políticas públicas para a agricultura familiar.
Show more

17 Read more

Renovação dos instrumentos de desenvolvimento e extensão rural: reflexão sobre métodos e políticas públicas.

Renovação dos instrumentos de desenvolvimento e extensão rural: reflexão sobre métodos e políticas públicas.

Segundo Darré, é possível, a partir de uma convergência de construção da realidade (Berger e Luckman, 1966/1986). Rogers e Kincaid (1981) evidenciaram o modelo iterativo de comunicação por convergência (Þ g 2, 3 e 4). Essa convergência pode ser realizada mediante objetos comuns historicamente e socialmente construídos (Schutz, 1987, apud Darre, 1999) ou por meio de objetos intermediários (Vinck, 1999) e graças a uma distribuição social do conhecimento (cada um de nós, somos peritos num domínio restrito) que leva a necessidade de comunicação mútua e de conÞ gurações recíprocas com os outros, com outros grupos humanos. Os objetos comuns ou intermediários, no campo da extensão rural podem ser visitas, unidades demonstrativas, protótipos, mapas falantes, zoneamentos construídos com a participação dos agricultores, ou ainda ensaios ou testes conduzidos por eles ou com eles nas suas parcelas.
Show more

25 Read more

Diagnóstico situacional da Biblioteca Rui Tendinha do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (INCAPER).

Diagnóstico situacional da Biblioteca Rui Tendinha do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (INCAPER).

ESPÍRITO SANTO (Estado). Decreto n.° 1316-R, de 27 de abril de 2004. Aprova o Regulamento Geral do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural – Incaper, parte integrante deste Decreto e como se aqui transcrito, consolidando o processo de autarquização e regulamentando a sua estrutura organo-funcional e as atribuições de seus órgãos de

13 Read more

Programa de Pesquisa do Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) com a cultura do mamoeiro.

Programa de Pesquisa do Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) com a cultura do mamoeiro.

Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica, Extensão Rural – Incaper. Rua Afonso Sarlo 160, Bento Ferreira, CEP: 29052-010, Vitória-ES. ventura@incaper.es.gov.br O Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) foi instituído em 2002 como sucessor da Acares (1956); Emater - ES (1975); Emcapa (1973) e Emcaper (1999). Em 50 anos de atividade vem atuando na pesquisa, assistência técnica e extensão rural, com destaque nas diversas áreas do conhecimento do agronegócio e em especial na fruticultura, em que se destaca a pesquisa na cultura do mamoeiro, que teve início em 1976, com a introdução e avaliação de materiais genéticos de mamão do grupo Solo e Formosa, e desenvolvimento de tecnologias adaptadas às condições edafo climáticas do Estado do Espírito Santo.
Show more

9 Read more

A extensão rural na prática organizativa dos agricultores familiares da comunidade do Córrego do Mosquito, Jaguaré ES.

A extensão rural na prática organizativa dos agricultores familiares da comunidade do Córrego do Mosquito, Jaguaré ES.

Resumos do VIII Congresso Brasileiro de Agroecologia – Porto Alegre/RS – 25 a 28/11/2013 Foi motivada pela ausência de assistência técnica e extensão rural pública aos agricultores locais, devido à distância de mais de 50 km da sede administrativa do município; pela dificuldade dos produtores escoarem sua produção, destinada apenas aos atravessadores que periodicamente passam pelo local e ditam os preços nada justos; pela ausência de informações e formações e, por estarem alijados das políticas públicas básicas a qualquer cidadão de direito.
Show more

4 Read more

Projeto cores da terra: potencial da tinta de solo para a extensão rural.

Projeto cores da terra: potencial da tinta de solo para a extensão rural.

O solo, desde tempos pré-históricos, é utilizado para fabricação de tinta, sendo que a técnica do “barreado” já foi muito utilizada no meio rural brasileiro. No entanto, com o surgimento das tintas industrializadas, esta prática foi sendo substituída. Atualmente a tinta de solo ainda é utilizada em algumas comunidades devido ao baixo custo de produção. O “Projeto Cores da Terra” é desenvolvido no Espírito Santo pelo Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural (INCAPER) em parceria com a Universidade Federal de Viçosa. Desde 2007, o INCAPER realiza oficinas, palestras e outras metodologias de extensão rural para divulgar o processo de fabricação de tinta com solo e seus potenciais de uso em pinturas imobiliárias e artesanatos. As oficinas desenvolvidas buscam resgatar e valorizar a sabedoria popular que reconhece os solos como componentes eficazes na produção de tintas ecológicas e de baixo custo.
Show more

4 Read more

Política de assistência técnica e extensão rural e o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural : descrição e análise de suas distintas formas de atuação com vistas ao desenvolvimento sustentável no município de Itaperim.

Política de assistência técnica e extensão rural e o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural : descrição e análise de suas distintas formas de atuação com vistas ao desenvolvimento sustentável no município de Itaperim.

A forma de se promover o desenvolvimento deve priorizar a gestão social como fator preponderante nas ações demandadas, para que os assuntos públicos recebam a atenção necessária e de forma participativa . O país passa por um processo de descentralização das políticas públicas, como podemos ver através das Novas Políticas de Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER), sendo necessário destacar alguns pontos considerados fundamentais nesta forma de atuação, em particular no que tange em relação ao trabalho desenvolvido pelo Instituto Capixaba de Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) em Itapemirim. Estão se fortalecendo as iniciativas locais que acabam por estabelecer novas formas de integração e troca entre os diferentes segmentos espaciais e setores de atividades.
Show more

13 Read more

Incaper : Instituto Capixaba de Pesquisa e Assistência Técnica em Extensão Rural.

Incaper : Instituto Capixaba de Pesquisa e Assistência Técnica em Extensão Rural.

O Incaper é resultado da incorporação ocorrida em 1999, da Empresa Capixaba de Pesquisa Agropecuária - Emcapa à Empresa de Assistência e Extensão Rural - Emater-ES, que gerou inicialmente a Empresa Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural - Emcaper, autarquizada em 2000, passando a denominar-se Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural-Incaper. Ressalta- se, ainda que a Ex-Emater-ES já tinha incorporado em 1996, parte da Empresa Espiritossantense de Pecuária - Emespe, além de ser sucedânea da Associação de Crédito e Assistência Rural do Espírito Santo - Acares, fundada em novembro de 1956.
Show more

4 Read more

Influência da assistência técnica e extensão rural no desenvolvimento da cafeicultura no município de Montanha-ES.

Influência da assistência técnica e extensão rural no desenvolvimento da cafeicultura no município de Montanha-ES.

RESUMO A atividade de Assistência Técnica e Extensão Rural de suma importância para o desenvolvimento da cafeicultura, bem como para a atividade agropecuária como um todo. Porém, devido a necessidade de valorização do saber do Produtor, tornou-se necessário a inclusão de novos enfoques metodológicos, onde através da criação da Política Nacional de Assistência Técnica e Extensão Rural foi possível a atualização do papel da extensão rural frente às novas tendências. À extensão rural, coube continuar a desenvolver o processo de comunicação de novas tecnologias, geradas pela pesquisa e de conhecimentos diversos, mas levando sempre em consideração os conhecimentos empíricos dos produtores rurais, buscando alternativas de desenvolvimento econômico, sem extinguir os costumes e valores culturais das comunidades, aliados ao desenvolvimento sustentável da sociedade onde os produtores estão inseridos. O estudo teve como objetivo mostrar a história e o desenvolvimento da Assistência Técnica e Extensão Rural no Brasil e a sua importância para a cultura do Café Conilon no município de Montanha, através da conscientização dos agricultores familiares na adoção de práticas agronômicas que utilizem formas mais harmônica e menos agressiva os recursos naturais, e, principalmente, mostrar o papel da ATER na divulgação e incentivo ao acesso pelos agricultores de políticas públicas que favoreçam o desenvolvimento da cafeicultura sustentável na agricultura familiar do município. A metodologia utilizada foi a revisão bibliográfica de documentos institucionais, legislações referentes ao tema e publicações de autores de referência na área de ATER, bem como atendimentos, visitas, dias de campo e demonstrações de métodos.
Show more

32 Read more

Banco de germoplasma de citros do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (BAG Citros - INCAPER)

Banco de germoplasma de citros do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (BAG Citros - INCAPER)

Com o objetivo de preservar a biodiversidade e manter a variabilidade genética para futuros programas de melhoramento, garantindo a sustentabilidade da expansão da atividade citrícola no Estado do Espírito Santo, foi criado o Banco Ativo de Germoplasma de Citros do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (BAG Citros - INCAPER). Esse BAG que vem sendo enriquecido e mantido desde 1950, ocasião em que foram introduzidas na Escola Agrotécnica Federal de Rive (atual IFES), em Alegre/ES, e nas demais Escolas Agrotécnicas do Espírito Santo, as primeiras plantas matrizes de 18 cultivares/clones de citros livres do “Vírus da Tristeza do Citrus” (CTV). Essa coleção permitiu ao Espírito Santo tornar-se autossuficiente na produção de frutas cítricas entre os anos 1950/60.
Show more

2 Read more

Assistência técnica e extensão rural realizada pelo Incaper em café Conilon.

Assistência técnica e extensão rural realizada pelo Incaper em café Conilon.

A importância da ATER pública na assistência técnica e extensão rural à cafeicultura capixaba O café é, sem dúvida, uma das atividades socioeconômicas mais importantes para a economia do Estado. O Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper) vem, desde 1985, trabalhando com a cultura em diferentes áreas do conhecimento, com grande ênfase na área de Melhoramento Genético, que, desde o início, estabeleceu um programa de pesquisa com ações e estratégias de curto, médio e longo prazo, incluindo seleção fenotípica, seleção clonal, seleção recorrente, hibridações, análises moleculares e biométricas e ampliação e manutenção da base genética (Fonseca et al., 1996; Ferrão et al., 1999; Ferrão et al., 2011). Ao longo de 30 anos de pesquisa, foram desenvolvidos vários estudos básicos, que têm contribuído efetivamente para a ampliação de conhecimentos genéticos da espécie C. canéfora, variedade conilon e o desenvolvimento e lançamento de 8 variedades clonais e uma de propagação por sementes, que são de aplicação direta aos produtores (Bragança et al., 1993; Ferrão et al., 1999; Ferrão et al., 2000a; Fonseca et al., 2004; Ferrão et al., 2007a, 2007b; Fonseca et al., 2008; Ferrão et al., 2013a, 2013b, 2013c). Além da obtenção das referidas variedades, objetiva-se a obtenção de variedades sintéticas, híbridas e de populações melhoradas.
Show more

177 Read more

Programa de pesquisa do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural - Incaper com a cultura do mamão.

Programa de pesquisa do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural - Incaper com a cultura do mamão.

Departamento de Operações Técnicas DOT, Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica, Extensão Rural - Incaper - Coordenador Estadual de Fruticultura. Cx. Postal 391, CEP 29052-010 – Vitória - ES, aureliano@incaper.es.gov.br O Instituto Capixaba de Pesquisa Assistência Técnica e Extensão Rural – Incaper foi instituído em 2002 como sucessor da Acares (1956); Emater - ES (1975); Emcapa (1973) e Emcaper (1999). Vem atuando há mais de 45 anos na pesquisa, assistência técnica e extensão rural, com destaque nas diversas áreas do conhecimento do agronegócio, em especial, a fruticultura, com a pesquisa na cultura do mamão, que teve início em 1976, com a introdução e avaliação de materiais genéticos de mamão do grupo Solo e Formosa, e desenvolvimento de tecnologias adaptadas às condições de solo e clima do Estado do Espírito Santo.
Show more

4 Read more

Extensão rural e construção da equidade de gênero: limites e possibilidades.

Extensão rural e construção da equidade de gênero: limites e possibilidades.

Siliprandi (2002) afirma que os mediadores têm dificuldades em incorporar a temática de gênero em suas ações e reconhece que os profissionais de extensão rural fazem parte de uma sociedade machista, sendo um reflexo da mesma. De fato, foi possível observar que nove dos dez extensionistas entrevistados não se consideram preparados para trabalhar políticas de gênero, mas se dispõem a serem capacitados para fazê-lo. Apenas ER 9 se considerou apto para trabalhar com questões de gênero; no entanto, o mesmo extensionista demonstrou uma posição machista da realidade, apresentando a irrevogabilidade da posição doméstica feminina. De acordo com as reflexões de Siliprandi (2002), para uma mudança na conduta dos extesionistas, haveria a necessidade de se desconstruir os preconceitos, tornando horizontal as relações entre homens e mulheres extensionistas e entre estes e os agricultores e agricultoras. Há, portanto, a necessidade de se garantir a formação feminista da equipe executora, de forma sistemática e integrada às ações e metodologias de Ater, tendo como alvo a divisão sexual do trabalho nas relações intrafamiliares no campo (Santos, 2017). 4.3. O papel das instituições e dos extensionistas no processo de implementação de políticas para mulheres
Show more

18 Read more

As perspectivas de gênero e da economia solidária na extensão rural por meio da pratica organizativa das agricultoras familiares do Norte do Espírito Santo.

As perspectivas de gênero e da economia solidária na extensão rural por meio da pratica organizativa das agricultoras familiares do Norte do Espírito Santo.

Key words: Social Products; Productive Inclusion; Alternative Income Generation, Marketing, Rural Non-farm Activities. Contexto: A experiência relatada apoiou-se na intervenção do projeto executado pelo Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural – , e visou organizar grupos produtivos de mulheres, embasados na perspectiva de gênero e da econo- mia solidária, para promover alternativa de renda para as esposas, filhas ou familia- res dos agricultores familiares, quilombolas e assentados nos municípios de Monta- nha, Pedro Canário, Linhares e Conceição da Barra.
Show more

5 Read more

Intercâmbio de boas práticas de extensão rural na região sul

Intercâmbio de boas práticas de extensão rural na região sul

empresas rurais que são as que efetivamente agregam valor ao setor agropecuário na Argentina. Por meio dele, o INTA trabalha com ferramentas de financiamento com vistas a reduzir perdas e aumentar o ganho produtivo a partir da agregação de valor de produtos primários. O projeto disponibiliza uma equipe de apoio aos produtores para além dos técnicos privados de extensão rural, buscando aproximar o Instituto dos produtores rurais. Trata-se, portanto, de um apoio a grupos de produtores por meio da contratação de profissionais de extensão rural, buscando facilitar a gestão integral dos empreendimentos agrícolas com ferramentas de financiamento. Já o “Pro Huerta” trabalha fundamentalmente com a soberania e segurança alimentar para a Argentina. Este último atende setores sociais em situação de vulnerabilidade, como a agricultura familiar de subsistência, com a ideia central de promoção e instalação de hortas nas casas das famílias participantes. Busca-se, portanto, a autoprodução de alimentos saudáveis, seguros e frescos, em prol do desenvolvimento local e visando a satisfação de direitos básicos da população. O Programa é um modelo reconhecido internacionalmente, e possui 27 anos de trajetória e de fomento da participação comunitária. Nesse período, foram instaladas 454.715 hortas familiares, 1.603 hortas comunitárias, 6.006 hortas escolares e 2.723 hortas em instituições; foram promovidas 676 feiras com participação de 8.562 produtores e mais de 21 mil postos de venda ao público, totalizando 3 milhões de pessoas alcançadas pelo Projeto. O INTA busca, por meio do
Show more

52 Read more

As diferentes abordagens da ação extensionista e suas implicações para o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural - Incaper.

As diferentes abordagens da ação extensionista e suas implicações para o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural - Incaper.

prática. Esse processo foi mediado por agentes externos (principalmente a APTA), pos- sibilitando campo fértil para o trabalho de introdução e difusão dos princípios da agroe- cologia. Esse encontro teria fortalecido e direcionado a ação coletiva e o incremento do capital social presente na localidade; b) a presença e a mudança de perfil da ação exten- sionista do Incaper, que parece ter respondido positivamente à complexidade do contex- to, conduzindo os agentes a um tipo de ação que contrariava e buscava superar o habitus estabelecido pela Abordagem Convencional da extensão rural, fundamentada no difusi- onismo e no produtivismo agrícola. Como demonstrado na análise, a partir de 2005 os agentes do Incaper passam a atribuir outro significado à sua ação, resinificando concep- ções e práticas e adotando uma Abordagem Interativa, que buscou dialogar com as es- pecificidades e os requisitos do contexto; e c) a formação de novas capacidades nos ato- res envolvidos, como resultado parcial da necessidade de articular politicamente uma rede de cooperação, de modo a viabilizar novas propostas de comercialização e a cria- ção de relações diferenciadas entre produtores e consumidores de alimentos. Essa rede ultrapassou os limites do município de Iconha e tornou-se referência para outros proces- sos.
Show more

204 Read more

Interface Geográfica aplicada na Extensão Rural.

Interface Geográfica aplicada na Extensão Rural.

Astract: The objective of this study was to produce a geographical interface through the knowledge of researchers and extension workers . were produced two interfaces Geographic inserted into platform online of Geobases. Interfaces produced in this way are easier to be worked because it is conceived by the user. Palavras-chaves: interface geográfica, geobases, extensão rural, geographic interface, geobases , extension

6 Read more

Diagnóstico situacional da Biblioteca Rui Tendinha do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (INCAPER).

Diagnóstico situacional da Biblioteca Rui Tendinha do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (INCAPER).

desenvolvimento sócio econômico do meio rural, com o projeto estruturante de inclusão social e produtiva, e o objetivo de contribuir com acesso às políticas públicas e ao mercado. A biblioteca como unidade informacional visa principalmente o acesso à informação a um público diversificado sem preconceito de raça, sexo, credo, nacionalidade, deficiência física e mental, condição social, dentre outros. O desenvolvimento sócio e econômico do meio rural pode receber auxílio das informações presentes na BRT, através do Projeto Sementes do Conhecimento às demais instituições, através dos repasses de duplicatas do acervo para os ELDRs e Fazendas Experimentais na promoção de mini bibliotecas e assim estarem mais próximas dos usuários. Além do benefício que o software Ainfo proporciona na disponibilização de informações online, promovendo o acesso com o uso desse recurso tecnológico.
Show more

75 Read more

Programa de assistência técnica e extensão rural - PROATER 2011-2013.

Programa de assistência técnica e extensão rural - PROATER 2011-2013.

1.4 Organização social É baixo o nível de organização dos agricultores do município de Jaguaré, a maioria está organizada em: Sindicato dos Trabalhadores Rurais que é uma instituição de apoio aos agricultores familiares, oferecendo assistência social, jurídica, crédito fundiário e rural para seus associados e o Sindicato Rural (patronal) que também oferece serviços na área jurídica, social, saúde e crédito rural, além de ser um parceiro do Incaper na promoção do programa de capacitação do SENAR. Várias associações de pequenos produtores foram criadas na década de 90, com interesse de obter ajuda do governo estadual e não com base nos princípios do associativismo, isso fez com que a maioria delas ficasse apenas no papel e não prosperaram, porém, a maioria delas encontra-se dentro da legalidade.
Show more

361 Read more

Programa de assistência técnica e extensão rural - PROATER 2011-2013.

Programa de assistência técnica e extensão rural - PROATER 2011-2013.

A cobertura florestal das áreas protegidas gira em torno de 15.629,96 hectares (Secretaria Municipal de Meio Ambiente). 1.4 Organização Social No município de Guarapari existem atualmente 16 associações e uma federação das associações do meio rural, mais três associações e uma colônia do setor pesqueiro. Porém são poucas que realmente exercem de forma eficiente seus objetivos. Dentre essas, podemos destacar a federação que faz parte do conselho municipal de desenvolvimento rural sustentável, juntamente com o sindicato dos trabalhadores rurais que tem uma atuação bastante significativa para os agricultores familiares. Também destacam-se as associação de Rio Claro, Buenos Aires, Boa Esperança e Rio Calçado que buscaram o desenvolvimento, promovendo cursos para seus associados visando melhor capacitá-los. A associação de Cabeça Quebrada também se destacou quando promoveu a compra de insumos a fim de beneficiar seus associados, bem como a associação de São Miguel que promoveu a reforma da igreja e da quadra poliesportiva e vem atuando na área social como melhoria da praça, telefonia e asfaltamento da estradas. Essas associações são de grande importância para representar, buscar e cobrar a melhoria necessária para seus associados e se constituem um grande parceiro para o trabalho de ATER no meio rural e pesqueiro.
Show more

405 Read more

Show all 1166 documents...